O programa vai financiar pequenos empreendedores que deverão utilizar uma plataforma digital para aquisição de linha de crédito

 

O prefeito Bruno Reis lançou, hoje, 13, o Programa CredSalvador. Destinado a micros e pequenos empreendedores, autônomos e trabalhadores informais terem acesso à linha de crédito. O CredSalvador é o primeiro programa público na história de Salvador e tem formato pioneiro entre governos.   

 

A iniciativa faz parte das ações emergenciais da administração municipal para retomada econômica e enfrentamento dos impactos causados pela pandemia de Covid-19, disponibilizando um total de R$10 milhões a este público. Para isso, foi criado o Fundo de Crédito Emergencial do Município de Salvador (FCE), vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda (Semdec). Com a prática de juros de 0,5% a.m., os beneficiários poderão solicitar empréstimos nos valores entre R$500 a R$15mil, com carência de 3 e 6 meses, e parcelamento em até 24 meses.

 

 

Plataforma digital - Um dos diferenciais desta iniciativa está na utilização de uma plataforma digital para solicitar o microcrédito de uma forma rápida, segura e desburocratizada. O acesso já pode ser feito nesta segunda-feira, 13, pelo endereço eletrônico https://credsalvador.nexoos.com.br/. A ferramenta será operacionalizada pela empresa Nexoos, do grupo Ame / Americanas, conforme contrato firmado com Prefeitura, há um mês.

 

 

"O CredSalvador tem como objetivo fomentar o segmento econômico e promover a geração de emprego e renda, atendendo a uma parcela da sociedade que usualmente possui pouco acesso ao sistema financeiro tradicional", pontua a secretária Mila Paes, de Desenvolvimento Econômico Emprego e Renda do município. Segundo ela, o CredSalvador vai favorecer a dinâmica dos negócios "para que possam ter capital de giro, fazer investimentos, permanecer na cadeia produtiva e honrar com seus compromissos financeiros". Além do microcrédito, que será processado por meio de plataforma digital, o beneficiário terá acesso à capacitação em empreendedorismo e gestão financeira, para aplicação nos próprios negócios.

 

 

Perfil – Para ter acesso ao CredSalvador, o interessado deve ser microempresário individual (MEI), micro empresa (ME), cooperativas ou associações de pequenos empreendedores, bem como profissionais autônomos e liberais com registro, permissão, licença ou alvará de funcionamento em Salvador. Do total de pedidos, ao menos, 30% será destinado a pessoas negras, garantida a paridade de gênero. No sentido de incentivar o empreendedorismo de mulheres, o programa vai priorizar o microcrédito a mulheres empreendedoras

Fale Conosco

O seu canal de comunicação direta com a SEMDEC. Caso tenha dúvidas, sugestões ou solicitações deinformações sobre os nossos serviços mande seu e-mail , que responderemos com satisfação.